Jogos e Poemas #3: Life Is Strange


Desaparecer

Ela era uma simples garota, que de simples não tinha nada,
Tinha algo peculiar nela, em seu coração e em sua mente.
Ela podia mudar tudo, literalmente tudo, menos a sua amada,
Mas de que servia um dom como esse se não pode mudar o que sente.

Era longo o caminho entre o amor, e ela ainda tinha que passar por barreiras,
Era grandes? Sim, muito, mas ela podia mudar isso também, e mudou.
A única coisa comum nesta menina era que o inferno dela era as segundas-feiras,
Como toda adolescente, ela se via presa em um oceano, e nesse oceano ela afundou.

Como um sábio um dia disse: "Com grandes poderes vem grandes responsabilidades",
O medo dela era que um dia ela tivesse que arcar com todas essas responsabilidades.
Quem imaginaria que uma mera jovem teria o poder de voltar no tempo?
Ela não imaginava, e não imaginava também que tudo iria embora com o vento.

Tudo era passageiro, a vida principalmente, mas não a escolha dela acabar com tudo,
Salvar um e ver todos morrerem, ou salvar a todos a custo da pessoa que ela mais amava?
Tudo era um horrível efeito borboleta, e perder o seu amor era como perder um mundo,
Mais foi o seu amor que escolheu se sacrificar para salvar a todos, como uma heroína salvava.

Era esse o trabalho dos heróis, se sacrificar por quem eles nem seque conheciam,
Por isso eram heróis, eles não precisavam conhecer a pessoa para saber se ela merecia viver.
Um tornado acabaria com tudo, e ela só poderia mudar tudo isso mais uma vez,
Ela voltou, e viu sua amada se sacrificar por tudo e todos que ela não queria ver desaparecer.

Comentários

Popular Posts